Estudo de caso: a percepção dos professores de uma escola pública de Brazlândia sobre Qualidade de vida no trabalho

O assunto qualidade de vida no trabalho está muito em voga nos dias atuais devido à crescente preocupação com o bem estar dos trabalhadores, o que é vantajoso para trabalhadores e empregadores. Os professores são profissionais muito propensos a desenvolver patologias relacionadas ao estresse. A pres...

Full description

Access type:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Esteves, Rafaella Soares
Document type: Article
Language:por
Portuguese subjects:
QVT
Online Access:https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/8011
Portuguese abstract:O assunto qualidade de vida no trabalho está muito em voga nos dias atuais devido à crescente preocupação com o bem estar dos trabalhadores, o que é vantajoso para trabalhadores e empregadores. Os professores são profissionais muito propensos a desenvolver patologias relacionadas ao estresse. A presente pesquisa pode ser definida como qualitativa e exploratória e tem como objetivo principal verificar qual a percepção dos professores de uma escola pública de ensino médio quanto a qualidade de vida no trabalho e o impacto em suas vidas. Para essa verificação utilizou-se um questionário baseado na escala likert levando-se em consideração as oito dimensões do modelo de QVT de Walton. Verificou-se que a remuneração e os benefícios recebidos são fatores de insatisfação e que aparentemente eles não têm o crescimento profissional como prioridade. Após a conclusão da pesquisa percebeu-se que mesmo não havendo na escola ações de QVT voltadas aos professores, eles se consideraram satisfeitos na grande maioria das dimensões.