A NATUREZA DO ESTADO E POLÍTICAS PÚBLICAS: UMA AVALIAÇÃO DOS INCENTIVOS FISCAIS EM GOIÁS

This paper is an interpretative study which aims to the demonstrate that public policies were born with the advent of the modern state in which is organically inserted the logic of the capital. In order to reach this goal, a deep investigation was made since the classic approach of state and it was...

Full description

Access type:openAccess
Publication Date:2011
Main Author: Oliveira, Fernando César Claudino de lattes
Advisor: Vieira, Jeferson de Castro lattes
Referee: Estevam, Luis Antônio lattes
Document type: Master thesis
Language:por
Published: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Program: Desenvolvimento e Planejamento Territorial
Department: Ciências Exatas e da Terra
Portuguese subjects:
English subjects:
Knowledgement areas:
Online Access:http://localhost:8080/tede/handle/tede/2871
Citation:OLIVEIRA, Fernando César Claudino de. A NATUREZA DO ESTADO E POLÍTICAS PÚBLICAS: UMA AVALIAÇÃO DOS INCENTIVOS FISCAIS EM GOIÁS. 2011. 170 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Exatas e da Terra) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Goiânia, 2011.
Portuguese abstract:O presente trabalho tem como objetivo demonstrar que as políticas públicas são derivadas da natureza do Estado moderno organicamente inserido na lógica do capital. Para se alcançar esse objetivo recorre-se aos princípios da pesquisa interpretativa, apoiando-se inicialmente na abordagem clássica do Estado, a partir de sua gênese e heteronomia, assim como, para evidenciar o processo de construção do Estado Brasileiro. Colocando-se em relevo uma ligação profunda que permeia entre a natureza do Estado e a estruturação das políticas alocativas praticadas pelo poder público. Constatando-se que as políticas públicas carregam as matizes da natureza do Estado em Goiás e se efetivam em uma modernização do processo produtivo, concebido de uma processual transição autoritária para uma construção democrática, legitimando autonomia, desencadeando fragmentação do pacto federativo e desconcentração industrial no país.
English abstract:This paper is an interpretative study which aims to the demonstrate that public policies were born with the advent of the modern state in which is organically inserted the logic of the capital. In order to reach this goal, a deep investigation was made since the classic approach of state and it was linked to suggest the formation process of the Brazilian State. However, this process in State of Goias was singular and based on public policies designed for a transition period from an authoritarian state to a democratic one besides the modernization of the production process. Nevertheless, these policies promoted to State of Goias legitimate autonomy causing fragmentation in the federalist agreement and transforming industrial concentration in the country.