Ocorrência de ectoparasitos em avestruzes (struthio camelus) criadas no semi-árido baiano

p. 155-157

Access type:openAccess
Publication Date:2008
Main Author: Almeida, Maria Angela Ornelas de
Other Authors: Duarte, Larissa de Fátima Cardoso, Rocha, Juliana da S., Silva, Mariana S. A., Ayres, Maria Consuêlo Caribé, Guimarães, José Eugenio
Document type: Article
Language:por
Portuguese subjects:
Online Access:http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/3883
Portuguese abstract:planteis de avestruzes na região semi-árida do município de Irecê, Bahia, objetivando identificar os ectoparasitos. As aves, predominantemente da raça “African Black”, eram criadas em sistema intensivo e distribuídas, por faixa etária, em colônias, trio, casal ou creche. Durante a inspeção das aves, as plumas colhidas aleatoriamente, de várias regiões do corpo, foram acondicionadas em sacos plásticos e as larvas, colhidas das miíases, em álcool etílico a 70%. Em 74% (14/19) e 47% (04/ 19) dos plantéis encontravam-se avestruzes infestadas, respectivamente, pelas espécies Struthiopterolichus bicaudatus e Struthiolipeurus rheae. Somente em um plantel (5,3%) foi encontrado um animal parasitado por larvas de Cochliomyia hominivorax.