Trajetória de uma expressão amazônica : o encanto do desencanto em Florentina Esteves

Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, 2006.

Access type:openAccess
Publication Date:2006
Main Author: Costa, Maria José da Silva Morais
Advisor: Almarza, Sara
Document type: Master thesis
Language:por
Online Access:http://repositorio.unb.br/handle/10482/5199
Citation:COSTA, Maria José da Silva Morais. Trajetória de uma expressão amazônica: o encanto do desencanto em Florentina Esteves. 2006. 90 f. Dissertação (Mestrado em Teoria Literária)-Universidade de Brasília, Brasília, 2006.
English abstract:Este trabalho procura investigar a literatura de Florentina Esteves como um dos desaguadouros da herança ficcional da região amazônica, em especial a da expressão contística do Acre. Para tanto, antes de chegar à análise da prosa da autora, são observados textos de autores que adotaram a planície verde como tema, tais como Inglês de Souza, Euclides da Cunha, Márcio Souza e Robélia Fernandes de Souza, entre outros. Com o fim de compreender a expressão literária regional do norte por esse prisma, aproximamos a discussão sobre as imagens poéticas e os recursos da memória ficcional, duas realidades que nos conduziram nessa trajetória. Como o objeto é composto essencialmente de contos, foi preciso lançar mão de pressupostos teóricos fundamentados na evolução estrutural do gênero, bem como das contribuições trazidas a esses textos pela oralidade. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This work intends to investigate the literature of Florentina Esteves as one of the fictional inheritance of amazonic region, in especial of Acre story expression. For, this, before getting to the prose analyses of the author, the texts are observed from other authors that adapted as the them such as Inglês de Souza, Euclides da Cunha, Márcio Souza e Robélia Fernandes de Souza, and many others. With the intent of comprehend the regional literary expression from the North using this vision, we keep closely of the discussion about poetical images in the studies of the memory, two realities lead us in this trajectory. As the object is complex specially in short stories, it was necessary to make use of theoretical presuppose based on the evolution of short story under the structural point of view, as well as the contributions brought to genre though the orality.