Aspectos socioeconômicos da rizicultura para os municípios de Jacinto Machado, Meleiro e Turvo nos anos de 2004 a 2013

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado para obtenção do grau de Bacharel no curso de Ciências Econômicas da Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC.

Access type:openAccess
Publication Date:2015
Main Author: Nicoleit, Lore Hellen da Boit
Advisor: Estevam, Dimas de Oliveira
Document type: Bachelor thesis
Language:por
Portuguese subjects:
Online Access:http://repositorio.unesc.net/handle/1/3532
Portuguese abstract:Cultivado em todos os continentes, o arroz é um dos cereais mais produzidos e consumidos no mundo, com grande importância econômica, agrícola e alimentar. Nos municípios de Jacinto Machado, Meleiro e Turvo, a cultura do arroz é a principal alavancadora da economia agrícola dos municípios, possuindo grande importância econômica, social e cultural na região e no estado. Percebendo a importância da cultura do arroz, o objetivo geral do trabalho foi descrever os aspectos socioeconômicos da rizicultura para os municípios de Jacinto Machado, Meleiro e Turvo nos anos de 2004 – 2013. Como procedimentos metodológicos, a pesquisa foi descritiva, bibliografia e documental. A coleta de dados ocorreu em bases de dados secundárias, utilizando uma abordagem de análise do tipo mista (quantitativa e qualitativa). Os resultados mostraram que os municípios de Jacinto Machado, Meleiro e Turvo apresentaram características de municípios rurais, como baixa densidade demográfica e um elevado número de população residente na área rural. Outra característica importante observada foi o grande número de produtores familiares nos municípios, distribuídos em pequenas propriedades rurais e produzindo as mais diversificadas culturas, porém, destacando-se o arroz como a principal cultura. Ao descrever a estrutura econômica dos municípios, pode-se perceber a ascensão dos setores industrial e de serviços ao longo dos anos, e uma diminuição significativa do setor agropecuário. Os municípios com as maiores áreas plantados, áreas colhidas e quantidades produzidas de arroz são, respectivamente, Turvo, seguido de Meleiro e Jacinto Machado, observado uma expansão significativa das variáveis no período, decorrente principalmente da modernização agrícola. Os municípios que possuem maior expressão orizícola da região da AMESC são, respectivamente, Turvo, Meleiro e Jacinto Machado, tendo a rizicultura como a atividade econômica que mais se destaca e dependendo fortemente da cultura para a manutenção expansão dos demais setores da economia.