Comprometimento organizacional: caso da secretaria municipal de agricultura, pecuária e abastecimento de Santana do Livramento - Rio Grande do Sul

Este estudio aborda las cuestiones de compromiso con la organización, motivación y gestión de personas en el sector público, con el objetivo de analizar como el compromiso interfiere en el rendimiento del trabajo de los servidores de la Secretaria Municipal de Agricultura de Santana do Livramento -...

Full description

Access type:openAccess
Publication Date:2016
Main Author: Lima, Kelly Iahskara Borges do Prado
Advisor: Lima, Luiz Edgar Araújo
Document type: Bachelor thesis
Language:por
Published: Universidade Federal do Pampa
Online Access:http://dspace.unipampa.edu.br:8080/xmlui/handle/riu/1138
Citation:LIMA, Kelly Iahskara Borges do Prado. Comprometimento organizacional: caso da secretaria municipal de agricultura, pecuária e abastecimento de Santana do Livramento - Rio Grande do Sul. Santana do Livramento: Unipampa, 2016.
Portuguese abstract:O presente estudo aborda os temas sobre comprometimento organizacional, motivação e gestão de pessoas no setor público, teve como objetivo analisar se o comprometimento interfere no desempenho do trabalho dos servidores da Secretaria Municipal de Agricultura de Santana do Livramento – RS. Dentre os fundamentos metodológicos, estão a pesquisa qualitativa; como instrumento de pesquisa foi utilizada uma entrevista semiestruturada; o público alvo foram dez servidores, de um total de dezessete funcionários estatutários, lotados na Secretaria. Dentre os principais resultados destaca-se: que os servidores estão ligados a organização através do componente afetivo, estão emocionalmente comprometidos e desempenham suas atividades de forma leal, permanecendo no serviço público, apesar das dificuldades, pela vontade de sentir-se parte do processo e de se envolver com os problemas que surgem; que o gestor pouco interfere no comprometimento, este desconhece a capacidade de cada servidor e suas aptidões. Conclui-se usando o conteúdo das falas dos servidores, há necessidade de diálogo e reuniões para que todos possam participar do planejamento, execução e controle do que necessita ser realizado.