A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement

Bibliographic Details
Main Author: Aranha, Simone Dália de Gusmão
Publication Date: 2016
Other Authors: Borborema, Olivia Rodrigues
Format: Article
Language: por
Source: Texto livre
Download full: https://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/16726
Summary: RESUMO:A partir de um processo natural, os gêneros discursivos acompanham os diversos usos da linguagem nas esferas sociais. Em se tratando do ambiente virtual, percebe-se, cada vez mais, o surgimento de novos gêneros. É nesse contexto que emerge a poesia digital, um gênero discursivo relativamente pouco explorado, mas bastante rico na sua composição e na sua construção de sentidos. Denominado, geralmente, de ciberpoesia, poesia animada ou clippoema, esse tipo de poesia ganha uma dinâmica diferente no ambiente virtual, configurando-se, simultaneamente, pelo uso da palavra, do som e da imagem, e permitindo, ao hiperleitor, uma participação passiva ou mais ativa, ou seja, um grau baixo ou mais elevado de interação com o texto. Considerando esses aspectos, o presente estudo tem como objetivo analisar a interatividade em poesias digitais. Para tanto, foram coletadas para análise quatro poesias, adotando, ainda, como arcabouço teórico-metodológico as contribuições de Bakhtin (2003), Marcuschi (2003, 2004, 2007), Souza (2007), Antonio (2008), Maués (2010), Primo (2000, 2005) e Silva (2001), entre outros estudiosos do tema. Após a análise, contatamos três graus diferentes de interatividade: um grau baixo, um grau médio e um grau alto, que permitiram diferentes possibilidades de participação ao hiperleitor e definiram, respectivamente, a interatividade de maneira passiva, ativa ou colaborativa no ambiente virtual.PALAVRAS-CHAVE: gêneros discursivos; poesia digital; interatividade. ABSTRACT:Discourse genres accompany the diverse uses of language in social spheres, as part of a natural process. In dealing with the virtual environment, the emergence of new genres can be increasingly perceived. It is in this context that digital poetry emerges, being a discourse genre that has, relatively speaking, not been much explored. It is however, quite rich in composition and in the construction of meaning. Called, usually, cyber poetry, animated poetry or clip poem, this type of poetry has acquired a different kind of dynamics in the virtual environment, through the simultaneous configuration of the use of words, sound and images. This permits the hyper-reader to participate both passively and actively, in other words, to have a lower or higher degree of interaction with the text. Considering these aspects, the objective of this study is the analysis of interactivity in digital poems. Four poems were chosen for analysis with this end in view. The contributions of Bakhtin (2003), Marcuschi (2003, 2004, 2007), Souza (2007), Antonio (2008), Maués (2010), Primo (2000, 2005), Silva (2001) and other scholars have served as the theoretical and methodological framework of this work. After analysis, we contacted three different degrees of interactivity: a low grade, a medium grade and a high degree, which allowed different possibilities of participation to the hyper-reader and defined, respectively, the interactivity of passive, active or collaborative way in the virtual environment.KEYWORDS: discourse genres; digital poetry; interactivity.
id UFMG-9_f211ff80ae97c0ee7cec7bd7fa9d36b1
oai_identifier_str oai:periodicos.ufmg.br:article/16726
network_acronym_str UFMG-9
network_name_str Texto livre
repository_id_str
spelling A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movementgêneros discursivospoesia digitalinteratividade.RESUMO:A partir de um processo natural, os gêneros discursivos acompanham os diversos usos da linguagem nas esferas sociais. Em se tratando do ambiente virtual, percebe-se, cada vez mais, o surgimento de novos gêneros. É nesse contexto que emerge a poesia digital, um gênero discursivo relativamente pouco explorado, mas bastante rico na sua composição e na sua construção de sentidos. Denominado, geralmente, de ciberpoesia, poesia animada ou clippoema, esse tipo de poesia ganha uma dinâmica diferente no ambiente virtual, configurando-se, simultaneamente, pelo uso da palavra, do som e da imagem, e permitindo, ao hiperleitor, uma participação passiva ou mais ativa, ou seja, um grau baixo ou mais elevado de interação com o texto. Considerando esses aspectos, o presente estudo tem como objetivo analisar a interatividade em poesias digitais. Para tanto, foram coletadas para análise quatro poesias, adotando, ainda, como arcabouço teórico-metodológico as contribuições de Bakhtin (2003), Marcuschi (2003, 2004, 2007), Souza (2007), Antonio (2008), Maués (2010), Primo (2000, 2005) e Silva (2001), entre outros estudiosos do tema. Após a análise, contatamos três graus diferentes de interatividade: um grau baixo, um grau médio e um grau alto, que permitiram diferentes possibilidades de participação ao hiperleitor e definiram, respectivamente, a interatividade de maneira passiva, ativa ou colaborativa no ambiente virtual.PALAVRAS-CHAVE: gêneros discursivos; poesia digital; interatividade. ABSTRACT:Discourse genres accompany the diverse uses of language in social spheres, as part of a natural process. In dealing with the virtual environment, the emergence of new genres can be increasingly perceived. It is in this context that digital poetry emerges, being a discourse genre that has, relatively speaking, not been much explored. It is however, quite rich in composition and in the construction of meaning. Called, usually, cyber poetry, animated poetry or clip poem, this type of poetry has acquired a different kind of dynamics in the virtual environment, through the simultaneous configuration of the use of words, sound and images. This permits the hyper-reader to participate both passively and actively, in other words, to have a lower or higher degree of interaction with the text. Considering these aspects, the objective of this study is the analysis of interactivity in digital poems. Four poems were chosen for analysis with this end in view. The contributions of Bakhtin (2003), Marcuschi (2003, 2004, 2007), Souza (2007), Antonio (2008), Maués (2010), Primo (2000, 2005), Silva (2001) and other scholars have served as the theoretical and methodological framework of this work. After analysis, we contacted three different degrees of interactivity: a low grade, a medium grade and a high degree, which allowed different possibilities of participation to the hyper-reader and defined, respectively, the interactivity of passive, active or collaborative way in the virtual environment.KEYWORDS: discourse genres; digital poetry; interactivity.Universidade Federal de Minas Gerais2016-12-09info:eu-repo/semantics/articleinfo:eu-repo/semantics/publishedVersionapplication/pdfhttps://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/1672610.17851/1983-3652.9.2.46-63Texto Livre; Vol. 9 No. 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63Texto Livre; Vol. 9 Núm. 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63Texto Livre; Vol. 9 No 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63Texto Livre; v. 9 n. 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-631983-3652reponame:Texto livreinstname:Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)instacron:UFMGporhttps://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/16726/13483Copyright (c) 2016 Texto Livre: Linguagem e Tecnologiainfo:eu-repo/semantics/openAccessAranha, Simone Dália de GusmãoBorborema, Olivia Rodrigues2020-07-18T18:16:05Zoai:periodicos.ufmg.br:article/16726Revistahttp://www.periodicos.letras.ufmg.br/index.php/textolivrePUBhttps://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/oairevistatextolivre@letras.ufmg.br1983-36521983-3652opendoar:2020-07-18T18:16:05Texto livre - Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)false
dc.title.none.fl_str_mv A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
title A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
spellingShingle A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
Aranha, Simone Dália de Gusmão
gêneros discursivos
poesia digital
interatividade.
title_short A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
title_full A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
title_fullStr A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
title_full_unstemmed A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
title_sort A interatividade na poesia digital: palavra, imagem e som em movimento / Interactivity in digital poetry: word, image and sound in movement
author Aranha, Simone Dália de Gusmão
author_facet Aranha, Simone Dália de Gusmão
Borborema, Olivia Rodrigues
author_role author
author2 Borborema, Olivia Rodrigues
author2_role author
dc.contributor.author.fl_str_mv Aranha, Simone Dália de Gusmão
Borborema, Olivia Rodrigues
dc.subject.por.fl_str_mv gêneros discursivos
poesia digital
interatividade.
topic gêneros discursivos
poesia digital
interatividade.
description RESUMO:A partir de um processo natural, os gêneros discursivos acompanham os diversos usos da linguagem nas esferas sociais. Em se tratando do ambiente virtual, percebe-se, cada vez mais, o surgimento de novos gêneros. É nesse contexto que emerge a poesia digital, um gênero discursivo relativamente pouco explorado, mas bastante rico na sua composição e na sua construção de sentidos. Denominado, geralmente, de ciberpoesia, poesia animada ou clippoema, esse tipo de poesia ganha uma dinâmica diferente no ambiente virtual, configurando-se, simultaneamente, pelo uso da palavra, do som e da imagem, e permitindo, ao hiperleitor, uma participação passiva ou mais ativa, ou seja, um grau baixo ou mais elevado de interação com o texto. Considerando esses aspectos, o presente estudo tem como objetivo analisar a interatividade em poesias digitais. Para tanto, foram coletadas para análise quatro poesias, adotando, ainda, como arcabouço teórico-metodológico as contribuições de Bakhtin (2003), Marcuschi (2003, 2004, 2007), Souza (2007), Antonio (2008), Maués (2010), Primo (2000, 2005) e Silva (2001), entre outros estudiosos do tema. Após a análise, contatamos três graus diferentes de interatividade: um grau baixo, um grau médio e um grau alto, que permitiram diferentes possibilidades de participação ao hiperleitor e definiram, respectivamente, a interatividade de maneira passiva, ativa ou colaborativa no ambiente virtual.PALAVRAS-CHAVE: gêneros discursivos; poesia digital; interatividade. ABSTRACT:Discourse genres accompany the diverse uses of language in social spheres, as part of a natural process. In dealing with the virtual environment, the emergence of new genres can be increasingly perceived. It is in this context that digital poetry emerges, being a discourse genre that has, relatively speaking, not been much explored. It is however, quite rich in composition and in the construction of meaning. Called, usually, cyber poetry, animated poetry or clip poem, this type of poetry has acquired a different kind of dynamics in the virtual environment, through the simultaneous configuration of the use of words, sound and images. This permits the hyper-reader to participate both passively and actively, in other words, to have a lower or higher degree of interaction with the text. Considering these aspects, the objective of this study is the analysis of interactivity in digital poems. Four poems were chosen for analysis with this end in view. The contributions of Bakhtin (2003), Marcuschi (2003, 2004, 2007), Souza (2007), Antonio (2008), Maués (2010), Primo (2000, 2005), Silva (2001) and other scholars have served as the theoretical and methodological framework of this work. After analysis, we contacted three different degrees of interactivity: a low grade, a medium grade and a high degree, which allowed different possibilities of participation to the hyper-reader and defined, respectively, the interactivity of passive, active or collaborative way in the virtual environment.KEYWORDS: discourse genres; digital poetry; interactivity.
publishDate 2016
dc.date.none.fl_str_mv 2016-12-09
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion
format article
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/16726
10.17851/1983-3652.9.2.46-63
url https://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/16726
identifier_str_mv 10.17851/1983-3652.9.2.46-63
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.relation.none.fl_str_mv https://periodicos.ufmg.br/index.php/textolivre/article/view/16726/13483
dc.rights.driver.fl_str_mv Copyright (c) 2016 Texto Livre: Linguagem e Tecnologia
info:eu-repo/semantics/openAccess
rights_invalid_str_mv Copyright (c) 2016 Texto Livre: Linguagem e Tecnologia
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal de Minas Gerais
publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal de Minas Gerais
dc.source.none.fl_str_mv Texto Livre; Vol. 9 No. 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63
Texto Livre; Vol. 9 Núm. 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63
Texto Livre; Vol. 9 No 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63
Texto Livre; v. 9 n. 2 (2016): Texto Livre: Linguagem e Tecnologia; 46-63
1983-3652
reponame:Texto livre
instname:Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
instacron:UFMG
instname_str Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
instacron_str UFMG
institution UFMG
reponame_str Texto livre
collection Texto livre
repository.name.fl_str_mv Texto livre - Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
repository.mail.fl_str_mv revistatextolivre@letras.ufmg.br
_version_ 1750220971022745600