As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores

Detalhes bibliográficos
Autor(a) principal: Souza, Vanessa Alexandre de
Data de Publicação: 2021
Tipo de documento: Artigo
Idioma: por
Título da fonte: Revista Aurora (Online)
Texto Completo: https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/2361
Resumo: Esta pesquisa tem como objetivo realizar um estudo sobre a relação entre trabalho e saúde mental. Trata-se de estudar os casos de trabalhadores atingidos por doenças mentais. Os trabalhadores que estão nas fábricas, nas usinas, nos escritórios, etc. e são submetidos a pressões no seu dia-a-dia geradas pela organização do trabalho. O objeto de estudo passa a ser, não a loucura, mas o sofrimento decorrente do trabalho, “um estado compatível com a normalidade, mas que implica numa série de mecanismos de regulação” (DEJOURS, 1997). Procuramos entender as relações que podem se estabelecer entre a organização do trabalho e o sofrimento psíquico. Para revelar certos sofrimentos que, na verdade, foram negligenciados até hoje pelos estudos sobre o trabalho, procuraremos analisar aquilo que, no afrontamento do trabalhador com sua tarefa, põe em perigo sua vida mental e, sobretudo, a vivência dos trabalhadores em relação à saúde e em relação à doença.
id UNESP-32_92ea7ee2440bce2180e4e3fb905e09a7
oai_identifier_str oai:ojs.www2.marilia.unesp.br:article/2361
network_acronym_str UNESP-32
network_name_str Revista Aurora (Online)
repository_id_str
spelling As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadoresOrganização do trabalhoPsicodinâmica do trabalhoSaúde mental.Esta pesquisa tem como objetivo realizar um estudo sobre a relação entre trabalho e saúde mental. Trata-se de estudar os casos de trabalhadores atingidos por doenças mentais. Os trabalhadores que estão nas fábricas, nas usinas, nos escritórios, etc. e são submetidos a pressões no seu dia-a-dia geradas pela organização do trabalho. O objeto de estudo passa a ser, não a loucura, mas o sofrimento decorrente do trabalho, “um estado compatível com a normalidade, mas que implica numa série de mecanismos de regulação” (DEJOURS, 1997). Procuramos entender as relações que podem se estabelecer entre a organização do trabalho e o sofrimento psíquico. Para revelar certos sofrimentos que, na verdade, foram negligenciados até hoje pelos estudos sobre o trabalho, procuraremos analisar aquilo que, no afrontamento do trabalhador com sua tarefa, põe em perigo sua vida mental e, sobretudo, a vivência dos trabalhadores em relação à saúde e em relação à doença.Faculdade de Filosofia e Ciências2021-10-04info:eu-repo/semantics/articleinfo:eu-repo/semantics/publishedVersionapplication/pdfhttps://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/236110.36311/1982-8004.2012.v5n0.2361Revista Aurora; v. 5 (2012): Edição Especial; 25-361982-80042177-0484reponame:Revista Aurora (Online)instname:Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)instacron:UNESPporhttps://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/2361/1921Copyright (c) 2012 Revista Aurorahttps://creativecommons.org/licenses/by/4.0/info:eu-repo/semantics/openAccessSouza, Vanessa Alexandre de2020-07-29T11:18:50ZRevistahttps://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/indexPUB
dc.title.none.fl_str_mv As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
title As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
spellingShingle As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
Souza, Vanessa Alexandre de
Organização do trabalho
Psicodinâmica do trabalho
Saúde mental.
title_short As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
title_full As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
title_fullStr As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
title_full_unstemmed As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
title_sort As transformações no mundo do trabalho e a vivência subjetiva dos trabalhadores
author Souza, Vanessa Alexandre de
author_facet Souza, Vanessa Alexandre de
author_role author
dc.contributor.author.fl_str_mv Souza, Vanessa Alexandre de
dc.subject.por.fl_str_mv Organização do trabalho
Psicodinâmica do trabalho
Saúde mental.
topic Organização do trabalho
Psicodinâmica do trabalho
Saúde mental.
dc.description.none.fl_txt_mv Esta pesquisa tem como objetivo realizar um estudo sobre a relação entre trabalho e saúde mental. Trata-se de estudar os casos de trabalhadores atingidos por doenças mentais. Os trabalhadores que estão nas fábricas, nas usinas, nos escritórios, etc. e são submetidos a pressões no seu dia-a-dia geradas pela organização do trabalho. O objeto de estudo passa a ser, não a loucura, mas o sofrimento decorrente do trabalho, “um estado compatível com a normalidade, mas que implica numa série de mecanismos de regulação” (DEJOURS, 1997). Procuramos entender as relações que podem se estabelecer entre a organização do trabalho e o sofrimento psíquico. Para revelar certos sofrimentos que, na verdade, foram negligenciados até hoje pelos estudos sobre o trabalho, procuraremos analisar aquilo que, no afrontamento do trabalhador com sua tarefa, põe em perigo sua vida mental e, sobretudo, a vivência dos trabalhadores em relação à saúde e em relação à doença.
description Esta pesquisa tem como objetivo realizar um estudo sobre a relação entre trabalho e saúde mental. Trata-se de estudar os casos de trabalhadores atingidos por doenças mentais. Os trabalhadores que estão nas fábricas, nas usinas, nos escritórios, etc. e são submetidos a pressões no seu dia-a-dia geradas pela organização do trabalho. O objeto de estudo passa a ser, não a loucura, mas o sofrimento decorrente do trabalho, “um estado compatível com a normalidade, mas que implica numa série de mecanismos de regulação” (DEJOURS, 1997). Procuramos entender as relações que podem se estabelecer entre a organização do trabalho e o sofrimento psíquico. Para revelar certos sofrimentos que, na verdade, foram negligenciados até hoje pelos estudos sobre o trabalho, procuraremos analisar aquilo que, no afrontamento do trabalhador com sua tarefa, põe em perigo sua vida mental e, sobretudo, a vivência dos trabalhadores em relação à saúde e em relação à doença.
publishDate 2021
dc.date.none.fl_str_mv 2021-10-04
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion
format article
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/2361
10.36311/1982-8004.2012.v5n0.2361
url https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/2361
identifier_str_mv 10.36311/1982-8004.2012.v5n0.2361
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.relation.none.fl_str_mv https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/2361/1921
dc.rights.driver.fl_str_mv Copyright (c) 2012 Revista Aurora
https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
info:eu-repo/semantics/openAccess
rights_invalid_str_mv Copyright (c) 2012 Revista Aurora
https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
dc.publisher.none.fl_str_mv Faculdade de Filosofia e Ciências
publisher.none.fl_str_mv Faculdade de Filosofia e Ciências
dc.source.none.fl_str_mv Revista Aurora; v. 5 (2012): Edição Especial; 25-36
1982-8004
2177-0484
reponame:Revista Aurora (Online)
instname:Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)
instacron:UNESP
instname_str Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)
instacron_str UNESP
institution UNESP
reponame_str Revista Aurora (Online)
collection Revista Aurora (Online)
repository.name.fl_str_mv
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1727298264099717120