A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária

Bibliographic Details
Main Author: Silva, Paulo Ricardo da
Publication Date: 2020
Format: Master thesis
Language: por
Source: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS
Download full: http://hdl.handle.net/10183/214225
Summary: O desempenho da atividade de inteligência da Argentina permanece um aspecto pouco estudado da Guerra das Malvinas/Falklands. Considerando as características do conflito, esta investigação pode contribuir para ratificar e sistematizar lições para o Exército Brasileiro. Tendo como objetivo geral analisar o desempenho da atividade de inteligência militar da Argentina naquela guerra, em termos estratégicos, operacionais e táticos, com a finalidade de identificar aspectos que sejam úteis para a atividade de inteligência militar brasileira nos dias atuais, o objetivo específico é identificar exemplos pontuais, de equívocos ou acertos da Argentina e do Reino Unido, quanto ao desempenho da atividade de inteligência na opção pela Operação Rosário, em relação ao desembarque anfíbio britânico em Puerto San Carlos e no que diz respeito ao afundamento do cruzador ARA Belgrano. O problema central é: Por que houve falhas de inteligência da Argentina na Guerra das Malvinas? Com base na análise dos eventos estratificados em três níveis, procura-se interpretar o caso argentino. Busca-se testar a seguinte hipótese: os eventos relacionados à atividade de inteligência militar durante a Guerra das Malvinas podem ser analisados à luz das doutrinas em vigor no âmbito do Ministério da Defesa e no Exército Brasileiro, e até mesmo da doutrina estadunidense, a fim de se ratificar e sistematizar lições aprendidas a respeito do emprego da Função de Combate Inteligência. Constituída por seis capítulos, a pesquisa, na conclusão, sustenta que a hipótese é comprovada, elenca lições a partir do desempenho da atividade de inteligência naquela conflagração, bem como apresenta uma agenda de pesquisa sobre a temática.
id URGS_763845401d2d567cf27afcc694761e31
oai_identifier_str oai:www.lume.ufrgs.br:10183/214225
network_acronym_str URGS
network_name_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS
repository_id_str 1853
spelling Silva, Paulo Ricardo daCepik, Marco Aurelio Chaves2020-10-15T04:06:10Z2020http://hdl.handle.net/10183/214225001118623O desempenho da atividade de inteligência da Argentina permanece um aspecto pouco estudado da Guerra das Malvinas/Falklands. Considerando as características do conflito, esta investigação pode contribuir para ratificar e sistematizar lições para o Exército Brasileiro. Tendo como objetivo geral analisar o desempenho da atividade de inteligência militar da Argentina naquela guerra, em termos estratégicos, operacionais e táticos, com a finalidade de identificar aspectos que sejam úteis para a atividade de inteligência militar brasileira nos dias atuais, o objetivo específico é identificar exemplos pontuais, de equívocos ou acertos da Argentina e do Reino Unido, quanto ao desempenho da atividade de inteligência na opção pela Operação Rosário, em relação ao desembarque anfíbio britânico em Puerto San Carlos e no que diz respeito ao afundamento do cruzador ARA Belgrano. O problema central é: Por que houve falhas de inteligência da Argentina na Guerra das Malvinas? Com base na análise dos eventos estratificados em três níveis, procura-se interpretar o caso argentino. Busca-se testar a seguinte hipótese: os eventos relacionados à atividade de inteligência militar durante a Guerra das Malvinas podem ser analisados à luz das doutrinas em vigor no âmbito do Ministério da Defesa e no Exército Brasileiro, e até mesmo da doutrina estadunidense, a fim de se ratificar e sistematizar lições aprendidas a respeito do emprego da Função de Combate Inteligência. Constituída por seis capítulos, a pesquisa, na conclusão, sustenta que a hipótese é comprovada, elenca lições a partir do desempenho da atividade de inteligência naquela conflagração, bem como apresenta uma agenda de pesquisa sobre a temática.El desempeño de la actividad de inteligencia de Argentina sigue siendo un aspecto poco estudiado de la Guerra de las Malvinas/Falklands. Considerando las características del conflicto, esta investigación puede contribuir a ratificar y sistematizar lecciones para el Ejército brasileño. Con el objetivo general de analizar el desempeño de la actividad de inteligencia militar de Argentina en esa guerra, en términos estratégicos, operacionales y tácticos, con el propósito de identificar aspectos que sean útiles para la actividad de inteligencia militar brasileña en la actualidad, el objetivo específico es identificar ejemplos puntuales, de equívocos o aciertos de Argentina y Reino Unido, respecto al desempeño de la actividad de inteligencia en la opción por la Operación Rosario, en relación al desembarco anfibio británico en Puerto San Carlos y respecto al hundimiento del crucero ARA Belgrano. El problema central es: ¿Por qué fallaron los servicios de inteligencia de Argentina en la Guerra de las Malvinas? A partir del análisis de hechos estratificados en tres niveles, se intenta interpretar el caso argentino. Intentamos comprobar la siguiente hipótesis: los hechos relacionados con la actividad de inteligencia militar durante la Guerra de las Malvinas pueden analizarse a la luz de las doctrinas vigentes en el ámbito del Ministerio de Defensa y en el Ejército brasileño, e incluso de la doctrina estadounidense, con el fin de ratificar y sistematizar las lecciones aprendidas sobre el uso de la función de combate inteligencia. La investigación tiene seis capítulos y, al concluir, sostiene que la hipótesis está comprobada, enumera lecciones del desempeño de la actividad de inteligencia en esa conflagración, así como presenta una agenda de investigación sobre el tema.application/pdfporEstratégia militarGuerraArgentinaInteligenciaRecolección de inteligenciaMalvinas/FalklandsEngañoDesinformaciónA inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessáriainfo:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesisUniversidade Federal do Rio Grande do SulFaculdade de Ciências EconômicasPrograma de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos InternacionaisPorto Alegre, BR-RS2020mestradoinfo:eu-repo/semantics/openAccessreponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGSinstname:Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)instacron:UFRGSTEXT001118623.pdf.txt001118623.pdf.txtExtracted Texttext/plain207505http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/10183/214225/2/001118623.pdf.txt6dfe97758a00005d376a06abcbf44379MD52ORIGINAL001118623.pdfTexto completoapplication/pdf2978911http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/10183/214225/1/001118623.pdf65517ef78fb80b284f5c21d287e219d4MD5110183/2142252020-10-18 04:05:22.085987oai:www.lume.ufrgs.br:10183/214225Biblioteca Digital de Teses e Dissertaçõeshttps://lume.ufrgs.br/handle/10183/2PUBhttps://lume.ufrgs.br/oai/requestlume@ufrgs.br||lume@ufrgs.bropendoar:18532020-10-18T07:05:22Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)false
dc.title.pt_BR.fl_str_mv A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
title A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
spellingShingle A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
Silva, Paulo Ricardo da
Estratégia militar
Guerra
Argentina
Inteligencia
Recolección de inteligencia
Malvinas/Falklands
Engaño
Desinformación
title_short A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
title_full A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
title_fullStr A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
title_full_unstemmed A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
title_sort A inteligência militar argentina na guerra das Malvinas : uma avaliação necessária
author Silva, Paulo Ricardo da
author_facet Silva, Paulo Ricardo da
author_role author
dc.contributor.author.fl_str_mv Silva, Paulo Ricardo da
dc.contributor.advisor1.fl_str_mv Cepik, Marco Aurelio Chaves
contributor_str_mv Cepik, Marco Aurelio Chaves
dc.subject.por.fl_str_mv Estratégia militar
Guerra
Argentina
topic Estratégia militar
Guerra
Argentina
Inteligencia
Recolección de inteligencia
Malvinas/Falklands
Engaño
Desinformación
dc.subject.spa.fl_str_mv Inteligencia
Recolección de inteligencia
Malvinas/Falklands
Engaño
Desinformación
description O desempenho da atividade de inteligência da Argentina permanece um aspecto pouco estudado da Guerra das Malvinas/Falklands. Considerando as características do conflito, esta investigação pode contribuir para ratificar e sistematizar lições para o Exército Brasileiro. Tendo como objetivo geral analisar o desempenho da atividade de inteligência militar da Argentina naquela guerra, em termos estratégicos, operacionais e táticos, com a finalidade de identificar aspectos que sejam úteis para a atividade de inteligência militar brasileira nos dias atuais, o objetivo específico é identificar exemplos pontuais, de equívocos ou acertos da Argentina e do Reino Unido, quanto ao desempenho da atividade de inteligência na opção pela Operação Rosário, em relação ao desembarque anfíbio britânico em Puerto San Carlos e no que diz respeito ao afundamento do cruzador ARA Belgrano. O problema central é: Por que houve falhas de inteligência da Argentina na Guerra das Malvinas? Com base na análise dos eventos estratificados em três níveis, procura-se interpretar o caso argentino. Busca-se testar a seguinte hipótese: os eventos relacionados à atividade de inteligência militar durante a Guerra das Malvinas podem ser analisados à luz das doutrinas em vigor no âmbito do Ministério da Defesa e no Exército Brasileiro, e até mesmo da doutrina estadunidense, a fim de se ratificar e sistematizar lições aprendidas a respeito do emprego da Função de Combate Inteligência. Constituída por seis capítulos, a pesquisa, na conclusão, sustenta que a hipótese é comprovada, elenca lições a partir do desempenho da atividade de inteligência naquela conflagração, bem como apresenta uma agenda de pesquisa sobre a temática.
publishDate 2020
dc.date.accessioned.fl_str_mv 2020-10-15T04:06:10Z
dc.date.issued.fl_str_mv 2020
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv http://hdl.handle.net/10183/214225
dc.identifier.nrb.pt_BR.fl_str_mv 001118623
url http://hdl.handle.net/10183/214225
identifier_str_mv 001118623
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS
instname:Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
instacron:UFRGS
instname_str Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
instacron_str UFRGS
institution UFRGS
reponame_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS
collection Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS
bitstream.url.fl_str_mv http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/10183/214225/2/001118623.pdf.txt
http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/10183/214225/1/001118623.pdf
bitstream.checksum.fl_str_mv 6dfe97758a00005d376a06abcbf44379
65517ef78fb80b284f5c21d287e219d4
bitstream.checksumAlgorithm.fl_str_mv MD5
MD5
repository.name.fl_str_mv Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
repository.mail.fl_str_mv lume@ufrgs.br||lume@ufrgs.br
_version_ 1748869979738996736