A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios

Detalhes bibliográficos
Autor(a) principal: Brito, Luciana Dias de
Data de Publicação: 2017
Tipo de documento: Trabalho de conclusão de curso
Idioma: por
Título da fonte: Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF)
Texto Completo: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6763
Resumo: Conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o acolhimento institucional (AI) é “uma medida provisória e excepcional, utilizável como forma de transição para a colocação em família substituta, não implicando privação de liberdade” (BRASIL, 1990, art. 1º, parágrafo único). Porém, até chegar a esta definição o acolhimento de crianças e adolescentes teve diversas fases partindo dos grandes orfanatos mantidos pela igreja e pela caridade dos mais ricos, passando por entidades totalmente repressivas até alcançar o status de direito, onde busca-se a proteção integral deste público. O objetivo deste trabalho é analisar os avanços e desafios presentes no acolhimento institucional de crianças e jovens desde o início do século XX até 2009, com a aprovação do documento de orientações técnicas para os serviços de acolhimento de crianças e adolescentes dando ênfase nas diferentes modalidades de abrigamento, e também nas principais políticas relacionadas ao tema. Para tanto, foi realizada pesquisa bibliográfica além de pesquisa em documentos normativos que regem a assistência de crianças e adolescentes no país durante o período estudado. Os resultados apontam como a abordagem ao tema foi mudando e se adequando a cada período estudado com destaque para as organizações do terceiro setor no atendimento aos beneficiários das políticas de acolhimento. Além disso, apesar dos avanços alcançados, alguns desafios do cotidiano das entidades podem dificultar o cumprimento da legislação como a adaptação física e dos serviços prestados e até mesmo a garantia da provisoriedade da medida de acolhimento. Outro ponto a ser ressaltado é a necessidade de se ter uma rede de atendimento que envolva o setor público, privado e a sociedade nas diversas áreas de atuação, buscando diminuir as reincidências dos casos de violação de direitos e promover um atendimento de qualidade aos beneficiários e suas famílias.
id UFF-2_ce6a11745d9edc8dfac626908c52322e
oai_identifier_str oai:app.uff.br:1/6763
network_acronym_str UFF-2
network_name_str Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF)
repository_id_str 2120
spelling A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafiosAcolhimento institucionalAssistência socialCriança e adolescenteAcolhimentoCriançaAdolescenteAssistência socialConforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o acolhimento institucional (AI) é “uma medida provisória e excepcional, utilizável como forma de transição para a colocação em família substituta, não implicando privação de liberdade” (BRASIL, 1990, art. 1º, parágrafo único). Porém, até chegar a esta definição o acolhimento de crianças e adolescentes teve diversas fases partindo dos grandes orfanatos mantidos pela igreja e pela caridade dos mais ricos, passando por entidades totalmente repressivas até alcançar o status de direito, onde busca-se a proteção integral deste público. O objetivo deste trabalho é analisar os avanços e desafios presentes no acolhimento institucional de crianças e jovens desde o início do século XX até 2009, com a aprovação do documento de orientações técnicas para os serviços de acolhimento de crianças e adolescentes dando ênfase nas diferentes modalidades de abrigamento, e também nas principais políticas relacionadas ao tema. Para tanto, foi realizada pesquisa bibliográfica além de pesquisa em documentos normativos que regem a assistência de crianças e adolescentes no país durante o período estudado. Os resultados apontam como a abordagem ao tema foi mudando e se adequando a cada período estudado com destaque para as organizações do terceiro setor no atendimento aos beneficiários das políticas de acolhimento. Além disso, apesar dos avanços alcançados, alguns desafios do cotidiano das entidades podem dificultar o cumprimento da legislação como a adaptação física e dos serviços prestados e até mesmo a garantia da provisoriedade da medida de acolhimento. Outro ponto a ser ressaltado é a necessidade de se ter uma rede de atendimento que envolva o setor público, privado e a sociedade nas diversas áreas de atuação, buscando diminuir as reincidências dos casos de violação de direitos e promover um atendimento de qualidade aos beneficiários e suas famílias.Universidade Federal FluminenseVolta RedondaKronemberger, Thais SoaresOliveira, Ana Cláudia Pedrosa deLanzara, Arnaldo ProvasiBrito, Luciana Dias de2018-06-19T21:40:42Z2018-06-19T21:40:42Z2017info:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/bachelorThesisapplication/pdfapplication/pdfhttps://app.uff.br/riuff/handle/1/6763Aluno de Graduaçãohttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/CC-BY-SAinfo:eu-repo/semantics/openAccessporreponame:Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF)instname:Universidade Federal Fluminense (UFF)instacron:UFF2020-05-27T15:05:26Zoai:app.uff.br:1/6763Repositório InstitucionalPUBhttps://app.uff.br/oai/requestriuff@id.uff.bropendoar:21202020-05-27T15:05:26Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF) - Universidade Federal Fluminense (UFF)false
dc.title.none.fl_str_mv A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
title A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
spellingShingle A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
Brito, Luciana Dias de
Acolhimento institucional
Assistência social
Criança e adolescente
Acolhimento
Criança
Adolescente
Assistência social
title_short A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
title_full A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
title_fullStr A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
title_full_unstemmed A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
title_sort A trajetória do serviço de acolhimento no Brasil: avanços e desafios
author Brito, Luciana Dias de
author_facet Brito, Luciana Dias de
author_role author
dc.contributor.none.fl_str_mv Kronemberger, Thais Soares
Oliveira, Ana Cláudia Pedrosa de
Lanzara, Arnaldo Provasi
dc.contributor.author.fl_str_mv Brito, Luciana Dias de
dc.subject.por.fl_str_mv Acolhimento institucional
Assistência social
Criança e adolescente
Acolhimento
Criança
Adolescente
Assistência social
topic Acolhimento institucional
Assistência social
Criança e adolescente
Acolhimento
Criança
Adolescente
Assistência social
description Conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o acolhimento institucional (AI) é “uma medida provisória e excepcional, utilizável como forma de transição para a colocação em família substituta, não implicando privação de liberdade” (BRASIL, 1990, art. 1º, parágrafo único). Porém, até chegar a esta definição o acolhimento de crianças e adolescentes teve diversas fases partindo dos grandes orfanatos mantidos pela igreja e pela caridade dos mais ricos, passando por entidades totalmente repressivas até alcançar o status de direito, onde busca-se a proteção integral deste público. O objetivo deste trabalho é analisar os avanços e desafios presentes no acolhimento institucional de crianças e jovens desde o início do século XX até 2009, com a aprovação do documento de orientações técnicas para os serviços de acolhimento de crianças e adolescentes dando ênfase nas diferentes modalidades de abrigamento, e também nas principais políticas relacionadas ao tema. Para tanto, foi realizada pesquisa bibliográfica além de pesquisa em documentos normativos que regem a assistência de crianças e adolescentes no país durante o período estudado. Os resultados apontam como a abordagem ao tema foi mudando e se adequando a cada período estudado com destaque para as organizações do terceiro setor no atendimento aos beneficiários das políticas de acolhimento. Além disso, apesar dos avanços alcançados, alguns desafios do cotidiano das entidades podem dificultar o cumprimento da legislação como a adaptação física e dos serviços prestados e até mesmo a garantia da provisoriedade da medida de acolhimento. Outro ponto a ser ressaltado é a necessidade de se ter uma rede de atendimento que envolva o setor público, privado e a sociedade nas diversas áreas de atuação, buscando diminuir as reincidências dos casos de violação de direitos e promover um atendimento de qualidade aos beneficiários e suas famílias.
publishDate 2017
dc.date.none.fl_str_mv 2017
2018-06-19T21:40:42Z
2018-06-19T21:40:42Z
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/bachelorThesis
format bachelorThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://app.uff.br/riuff/handle/1/6763
Aluno de Graduação
url https://app.uff.br/riuff/handle/1/6763
identifier_str_mv Aluno de Graduação
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/
CC-BY-SA
info:eu-repo/semantics/openAccess
rights_invalid_str_mv http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/
CC-BY-SA
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
application/pdf
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal Fluminense
Volta Redonda
publisher.none.fl_str_mv Universidade Federal Fluminense
Volta Redonda
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF)
instname:Universidade Federal Fluminense (UFF)
instacron:UFF
instname_str Universidade Federal Fluminense (UFF)
instacron_str UFF
institution UFF
reponame_str Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF)
collection Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF)
repository.name.fl_str_mv Repositório Institucional da Universidade Federal Fluminense (RIUFF) - Universidade Federal Fluminense (UFF)
repository.mail.fl_str_mv riuff@id.uff.br
_version_ 1805018415664988160