Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico

Detalhes bibliográficos
Autor(a) principal: Santos, Juliana Mendonça Ferreira dos, 1984-
Data de Publicação: 2012
Tipo de documento: Dissertação
Idioma: por
Título da fonte: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Texto Completo: https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214
Resumo: Orientador: Eduardo Daruge Júnior
id UNICAMP-30_8b89c359f53460e7487b907a17de7be0
oai_identifier_str oai::847421
network_acronym_str UNICAMP-30
network_name_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
repository_id_str
spelling Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológicoAnalysis of pulpar amelogenin for biological gender determinationOdontologia legalDNADentistry, ForensicDNAOrientador: Eduardo Daruge JúniorDissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de PiracicabaResumo: O processo de identificação humana envolve diferentes etapas, contexto no qual se faz necessário o aprimoramento das técnicas tradicionais e o desenvolvimento de novas metodologias aplicáveis na rotina da prática pericial. É através da investigação do gênero biológico, precedida da determinação da espécie, que se dá o passo inicial no delineamento do perfil de vítimas não-identificadas. Ao encontro dos exames antropológicos, as técnicas de DNA consolidaram-se como adjuvantes e certificadoras; porém, trazem consigo limitações atinentes ao custo, agilidade e aplicabilidade. O presente estudo buscou investigar o gênero biológico, através do isolamento do gene amelogenina. Para tanto, foram utilizadas 52 polpas dentais obtidas de dentes extraídos de corpos em decomposição, as quais foram submetidas à extração do material genético por meio da resina quelante Chelex 100® (BioRad) e à amplificação pela reação em cadeia da polimerase (PCR). Após eletroforese com seqüenciador automático (Applied Biosystems 3130 Genetic Analyzer®), os picos foram obtidos, e os resultados interpretados como AMEL X para indivíduo feminino (106 pb), e AMEL Y para indivíduo masculino (112 pb). Não foi possível determinar o gênero biológico em 15,4% (n=8) dos dentes e não houve influência do sexo na viabilidade do material coletado para a determinação do gênero (p = 0, 072). Quanto aos grupos dentais, divididos em molares, pré-molares, caninos e incisivos, os mesmos não exerceram influência na obtenção dos resultados (p = 0,892). Houve concordância de 95,5% (n=42) entre a determinação do gênero biológico e o gênero real dos indivíduos que compuseram a amostra (Kappa = 0, 909). Dentre aqueles do gênero masculino houve discordância de 5,6% (n=2) entre o sexo real e o sexo obtido pela amplificação, revelando resultado de falso-feminino, ou seja, indivíduos masculinos com genótipo XX (AMEL X). Concluiu-se que, apesar da amostra ser composta por material degradado, a amplificação da amelogenina apresentou resultados satisfatórios na investigação do gênero biológico, mostrando-se como uma metodologia de ótimo custo-benefício capaz de complementar estudos antropológicos de identificação humanaAbstract: The process of human identification involves differents stages, in wich context it is necessary to the improvement of tradicional techniques and the development of new methods applicable in forensic practice routine. It is througth the investigation of biological gender, preceded by the determination of species, wich takes the initial step in designing the profile of unidentified victms. To meet the anthropological examination, DNA techniques established themselves as adjuvants and certifiers, but bring with them limitations pertaining to cost, flexibility and applicability. This study aimed to investigate the biological gender by isolating the amelogenin gene. For this purpose, we used dental pulp obtained from 52 teeth extracted from decomposing bodies, wich were genetic material extracted throught the chelating resin Chelex 100® (Bio Rad) and amplification by polymerase chain reaction (PCR). After electrophoresis on automatic sequencer (Applied Biosystems 3130 Genetic Analyser®), the peaks were obtained and the results interpreted as AMEL X for females individuals (106 pb) and AMEL Y for male individuals (112 pb). Could not be determined the biological gender of 15,4% (n = 08) of the teeth and there was no influence of gender on the viability of the material collected for the determination of sex (p = 0,072). As dental groups, divided in into molars, premolars, canines and incisors, they were not influential in obtaining the results (p = 0,892). There was concordance of 95,5% (n = 42) between the determination of the actual biological gender and the gender of sampled individuals (Kappa = 0,909). Among those of males, there was disagreement of 5,6% (n = 02) between real sex and sex obtained by amplification, revealing results of false-female, or males subjects with XX genotype (AMEL X). We concluded that, althought the samples were composed of degraded material, the amplification of amelogenin presented satisfactory results in the investigation of biological gender, showing himself as a cost-effective methodology, capable of complement anthropological studies in human identificationMestradoOdontologia Legal e DeontologiaMestre em Biologia Buco-Dental[s.n.]Daruge Junior, Eduardo, 1960-Zárate-Pereira, PauloFrancesquini Júnior, LuizUniversidade Estadual de Campinas. Faculdade de Odontologia de PiracicabaPrograma de Pós-Graduação em Biologia Buco-DentalUNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINASSantos, Juliana Mendonça Ferreira dos, 1984-2012info:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesisapplication/pdf54 f. : il.https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214SANTOS, Juliana Mendonça Ferreira dos. Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico. 2012. 54 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba , Piracicaba, SP. Disponível em: https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214. Acesso em: 15 mai. 2024.https://repositorio.unicamp.br/acervo/detalhe/847421porreponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)instname:Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)instacron:UNICAMPinfo:eu-repo/semantics/openAccess2017-02-18T06:32:34Zoai::847421Biblioteca Digital de Teses e DissertaçõesPUBhttp://repositorio.unicamp.br/oai/tese/oai.aspsbubd@unicamp.bropendoar:2017-02-18T06:32:34Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)false
dc.title.none.fl_str_mv Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
Analysis of pulpar amelogenin for biological gender determination
title Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
spellingShingle Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
Santos, Juliana Mendonça Ferreira dos, 1984-
Odontologia legal
DNA
Dentistry, Forensic
DNA
title_short Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
title_full Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
title_fullStr Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
title_full_unstemmed Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
title_sort Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico
author Santos, Juliana Mendonça Ferreira dos, 1984-
author_facet Santos, Juliana Mendonça Ferreira dos, 1984-
author_role author
dc.contributor.none.fl_str_mv Daruge Junior, Eduardo, 1960-
Zárate-Pereira, Paulo
Francesquini Júnior, Luiz
Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Odontologia de Piracicaba
Programa de Pós-Graduação em Biologia Buco-Dental
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS
dc.contributor.author.fl_str_mv Santos, Juliana Mendonça Ferreira dos, 1984-
dc.subject.por.fl_str_mv Odontologia legal
DNA
Dentistry, Forensic
DNA
topic Odontologia legal
DNA
Dentistry, Forensic
DNA
description Orientador: Eduardo Daruge Júnior
publishDate 2012
dc.date.none.fl_str_mv 2012
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214
SANTOS, Juliana Mendonça Ferreira dos. Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico. 2012. 54 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba , Piracicaba, SP. Disponível em: https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214. Acesso em: 15 mai. 2024.
url https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214
identifier_str_mv SANTOS, Juliana Mendonça Ferreira dos. Análise da amelogenina pulpar para determinação do gênero biológico. 2012. 54 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba , Piracicaba, SP. Disponível em: https://hdl.handle.net/20.500.12733/1617214. Acesso em: 15 mai. 2024.
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.relation.none.fl_str_mv https://repositorio.unicamp.br/acervo/detalhe/847421
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
54 f. : il.
dc.publisher.none.fl_str_mv [s.n.]
publisher.none.fl_str_mv [s.n.]
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
instname:Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
instacron:UNICAMP
instname_str Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
instacron_str UNICAMP
institution UNICAMP
reponame_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
collection Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
repository.name.fl_str_mv Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
repository.mail.fl_str_mv sbubd@unicamp.br
_version_ 1799138493865132032