Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais

Bibliographic Details
Main Author: Eduardo de Lima Caldas
Publication Date: 2008
Format: Doctoral thesis
Language: por
Source: Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
Download full: https://doi.org/10.11606/T.8.2008.tde-07042008-102411
Summary: O objetivo principal desta Tese é analisar e compreender as particularidades dos processos de criação de Consórcios Intermunicipais em três Estados brasileiros. Os Consórcios analisados são o Consórcio Intermunicipal de Produção e Abastecimento de São Luís (MA); o Consórcio Intermunicipal das Bacias do Alto Tamanduateí e Billings (Grande ABC-SP); os Consórcios Intermunicipais de Saúde de Minas Gerais. A questão central que orientou esta pesquisa foi a seguinte: como surgem os Consórcios Intermunicipais no Brasil, ao longo dos anos 90? Para responder esta questão, o trabalho foi estruturado a partir de três recortes: teórico, temático e empírico. Por meio do recorte teórico foi possível apresentar um arcabouço respaldado principalmente no que se convencionou chamar de formação de agendas de governo. Por meio do recorte temático foi possível localizar este estudo na órbita das questões relativas aos municípios brasileiros, bem como situar o debate sobre a cooperação intermunicipal ao longo do tempo. Por meio do recorte empírico realizou-se a pesquisa de campo orientada pela teoria previamente analisada. A hipótese central desta Tese é a de que a criação dos Consórcios Intermunicipais depende de dinâmicas locais nas quais dois fatores são fundamentais: a presença de um empreendedor de políticas públicas e a identificação de uma janela de oportunidades. Em outras palavras: os Consórcios Intermunicipais resultam de formas peculiares de como se articulam os interesses locais em torno de determinado \"setor\" de políticas públicas.
id USP_2c5c49ded581f807e0d3cf996c105c2c
oai_identifier_str oai:teses.usp.br:tde-07042008-102411
network_acronym_str USP
network_name_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
repository_id_str
spelling info:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais Creation of local government agenda: the case of intermunicipal consortia 2008-01-28Eduardo Cesar Leão MarquesMarta Teresa da Silva ArretcheClaudio Gonçalves CoutoCarlos Aurélio Pimenta de FariaFernando de Magalhaes Papaterra LimongiEduardo de Lima CaldasUniversidade de São PauloCiência PolíticaUSPBR Agenda creation Consórcios intermunicipais Decision process Formação de agenda Intermunicipal consortia Neoinstitucionalismo Neoinstitutionalism Políticas públicas Processo decisório Public policies O objetivo principal desta Tese é analisar e compreender as particularidades dos processos de criação de Consórcios Intermunicipais em três Estados brasileiros. Os Consórcios analisados são o Consórcio Intermunicipal de Produção e Abastecimento de São Luís (MA); o Consórcio Intermunicipal das Bacias do Alto Tamanduateí e Billings (Grande ABC-SP); os Consórcios Intermunicipais de Saúde de Minas Gerais. A questão central que orientou esta pesquisa foi a seguinte: como surgem os Consórcios Intermunicipais no Brasil, ao longo dos anos 90? Para responder esta questão, o trabalho foi estruturado a partir de três recortes: teórico, temático e empírico. Por meio do recorte teórico foi possível apresentar um arcabouço respaldado principalmente no que se convencionou chamar de formação de agendas de governo. Por meio do recorte temático foi possível localizar este estudo na órbita das questões relativas aos municípios brasileiros, bem como situar o debate sobre a cooperação intermunicipal ao longo do tempo. Por meio do recorte empírico realizou-se a pesquisa de campo orientada pela teoria previamente analisada. A hipótese central desta Tese é a de que a criação dos Consórcios Intermunicipais depende de dinâmicas locais nas quais dois fatores são fundamentais: a presença de um empreendedor de políticas públicas e a identificação de uma janela de oportunidades. Em outras palavras: os Consórcios Intermunicipais resultam de formas peculiares de como se articulam os interesses locais em torno de determinado \"setor\" de políticas públicas. The main goal of this thesis is to analyse and comprehend the circumstances of the Intermunicipalities Consortia creation processes in three different Brazilian States. The Consortia chosen for analysis are: São Luis Intermunicipal Consortium of Production and Supply (MA), Tamanduateí and Billings Basins Intermunicipal Consortium (Great ABC - SP) and Minas Gerais Intermunicipal Consortia for Health. The main question that guided this research was the following: how do intermunicipal consortia appeared in Brazil along the 1990s? To answer the question, the thesis was structured in theoretical, thematic and empirical schemes. The groundwork mainly based on what was conveniently called the Creation of Government Agenda was possible through the theoretical scheme. Through the thematic scheme, it was possible to place this study in the scope of the questions related to the Brazilian municipalities, as well as establishing the debate about intermunicipal cooperation through time. Through the empirical scheme, a field research was realised based on the theory previously analysed. The main assumption of this thesis is that the creation of intermunicipal consortia depends on the local dynamics in which two factors are essential: the presence of an entrepreneur of public policies and the identification of a window of opportunities. In other words, intermunicipal consortia are a result of peculiar forms of how local interests become linked around a specific \"sector\" of public policies. https://doi.org/10.11606/T.8.2008.tde-07042008-102411info:eu-repo/semantics/openAccessporreponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USPinstname:Universidade de São Paulo (USP)instacron:USP2022-06-23T11:02:42ZBiblioteca Digital de Teses e Dissertaçõeshttp://www.teses.usp.br/PUB
dc.title.pt.fl_str_mv Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
dc.title.alternative.en.fl_str_mv Creation of local government agenda: the case of intermunicipal consortia
title Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
spellingShingle Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
Eduardo de Lima Caldas
title_short Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
title_full Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
title_fullStr Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
title_full_unstemmed Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
title_sort Formação de agendas governamentais locais: o caso dos consórcios intermunicipais
author Eduardo de Lima Caldas
author_facet Eduardo de Lima Caldas
author_role author
dc.contributor.advisor1.fl_str_mv Eduardo Cesar Leão Marques
dc.contributor.referee1.fl_str_mv Marta Teresa da Silva Arretche
dc.contributor.referee2.fl_str_mv Claudio Gonçalves Couto
dc.contributor.referee3.fl_str_mv Carlos Aurélio Pimenta de Faria
dc.contributor.referee4.fl_str_mv Fernando de Magalhaes Papaterra Limongi
dc.contributor.author.fl_str_mv Eduardo de Lima Caldas
contributor_str_mv Eduardo Cesar Leão Marques
Marta Teresa da Silva Arretche
Claudio Gonçalves Couto
Carlos Aurélio Pimenta de Faria
Fernando de Magalhaes Papaterra Limongi
description O objetivo principal desta Tese é analisar e compreender as particularidades dos processos de criação de Consórcios Intermunicipais em três Estados brasileiros. Os Consórcios analisados são o Consórcio Intermunicipal de Produção e Abastecimento de São Luís (MA); o Consórcio Intermunicipal das Bacias do Alto Tamanduateí e Billings (Grande ABC-SP); os Consórcios Intermunicipais de Saúde de Minas Gerais. A questão central que orientou esta pesquisa foi a seguinte: como surgem os Consórcios Intermunicipais no Brasil, ao longo dos anos 90? Para responder esta questão, o trabalho foi estruturado a partir de três recortes: teórico, temático e empírico. Por meio do recorte teórico foi possível apresentar um arcabouço respaldado principalmente no que se convencionou chamar de formação de agendas de governo. Por meio do recorte temático foi possível localizar este estudo na órbita das questões relativas aos municípios brasileiros, bem como situar o debate sobre a cooperação intermunicipal ao longo do tempo. Por meio do recorte empírico realizou-se a pesquisa de campo orientada pela teoria previamente analisada. A hipótese central desta Tese é a de que a criação dos Consórcios Intermunicipais depende de dinâmicas locais nas quais dois fatores são fundamentais: a presença de um empreendedor de políticas públicas e a identificação de uma janela de oportunidades. Em outras palavras: os Consórcios Intermunicipais resultam de formas peculiares de como se articulam os interesses locais em torno de determinado \"setor\" de políticas públicas.
publishDate 2008
dc.date.issued.fl_str_mv 2008-01-28
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/doctoralThesis
format doctoralThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv https://doi.org/10.11606/T.8.2008.tde-07042008-102411
url https://doi.org/10.11606/T.8.2008.tde-07042008-102411
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade de São Paulo
dc.publisher.program.fl_str_mv Ciência Política
dc.publisher.initials.fl_str_mv USP
dc.publisher.country.fl_str_mv BR
publisher.none.fl_str_mv Universidade de São Paulo
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
instname:Universidade de São Paulo (USP)
instacron:USP
instname_str Universidade de São Paulo (USP)
instacron_str USP
institution USP
reponame_str Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
collection Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP
repository.name.fl_str_mv
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1736521221789450240