Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP

Bibliographic Details
Main Author: Filizola, Heloisa Ferreira
Publication Date: 2022
Other Authors: Luiz, Alfredo José Barreto, Maia, Aline de Holanda Nunes, Hernani, Luiz Carlos
Format: Dataset
Source: Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape)
Download full: https://doi.org/10.48432/SQ7VSP
Summary: Os dados aqui disponibilizados foram usados para avaliar e comparar atributos físico-hídricos de solos de duas microbacias hidrográficas (MBH) de primeira ordem cultivadas com plantio direto (PD), sob irrigação por pivô central, em Itaí/SP, para estimar a condição das áreas de cultura. Foram avaliados os solos de 15 pontos amostrais, distribuídos nos terços Superior, Médio e Inferior da vertente de cada uma das MBH, sendo as coletas realizadas em 5 pontos distanciados numa mesma cota, ao longo de cada terço da vertente. O trabalho teve como objetivo apresentar e discutir comparativamente resultados de alguns parâmetros físicos, do teor de carbono e estoque deste último, em dois Latossolos Vermelhos Distróficos típicos. Os sistemas diferiam porque, entre 2012 e 2015, a sequência de culturas na MBH1 foi: trigo/algodão – feijão/soja – trigo/soja e na MBH2 a sequência foi composta por feijão/milho - feijão/milho - trigo/algodão. A qualidade do manejo foi avaliada pelo índice de qualidade participativo do plantio direto (IQP), proposto por Roloff, Lutz e Mello (2011). Na MBH2 o IQP foi de 6,9, levemente superior ao da MBH1 cujo IQP foi de 5,6, sendo que, nesta última, a ocorrência de erosão é bem mais evidente. Assim, considerou-se que o manejo adotado na MBH2 de melhor qualidade e o da MBH1 de qualidade relativamente inferior. Os locais de coletas estão situados no município de Itaí, sudoeste do estado de São Paulo, Brasil. A microbacia hidrográfica 1 (MBH1) localiza-se em 23°33’41,94"S e 49°04'50,34"W, a uma altitude de 649 m com relevo ondulado e vertente convexa. A microbacia hidrográfica 2 (MBH2) localiza-se a 23°35'00,35" S e 48°56'21,35" W a uma altitude de 703 m. Nesta MBH, o relevo é suave a suave ondulado e vertente côncava. A MBH1 apresenta relevo ondulado e vertente convexa; em todo o perfil a textura do solo é muito argilosa (700 g kg-1). Já, na MBH2 a textura é argilosa (515 g kg-1) na camada superficial e muito argilosa (600 g kg-1) em subsuperfície. Em ambas MBH, ocorre um horizonte epieutrófico devido a fertilização e calagem. O solo coletado foi enviado aos laboratórios da Embrapa Meio Ambiente para a avaliação das classes texturais, diâmetro médio ponderado (DMP), densidade aparente do solo (Ds), porosidade total, macroporosidade, argila dispersa em água (ADA) e carbono orgânico. As diferenças mais marcantes entre as duas áreas foram o teor de argila dispersa em água, a macroporosidade, assim como o estoque de carbono no solo.
id EMBRAPA-08_0ed1c07859d512ece141f677582f0a0a
oai_identifier_str doi:10.48432/SQ7VSP
network_acronym_str EMBRAPA-08
network_name_str Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape)
repository_id_str
spelling https://doi.org/10.48432/SQ7VSPFilizola, Heloisa FerreiraLuiz, Alfredo José BarretoMaia, Aline de Holanda NunesHernani, Luiz CarlosAtributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SPPhysical-hydric attributes and carbon stock of soils in areas under irrigation in Itaí, SPRedapeOs dados aqui disponibilizados foram usados para avaliar e comparar atributos físico-hídricos de solos de duas microbacias hidrográficas (MBH) de primeira ordem cultivadas com plantio direto (PD), sob irrigação por pivô central, em Itaí/SP, para estimar a condição das áreas de cultura. Foram avaliados os solos de 15 pontos amostrais, distribuídos nos terços Superior, Médio e Inferior da vertente de cada uma das MBH, sendo as coletas realizadas em 5 pontos distanciados numa mesma cota, ao longo de cada terço da vertente. O trabalho teve como objetivo apresentar e discutir comparativamente resultados de alguns parâmetros físicos, do teor de carbono e estoque deste último, em dois Latossolos Vermelhos Distróficos típicos. Os sistemas diferiam porque, entre 2012 e 2015, a sequência de culturas na MBH1 foi: trigo/algodão – feijão/soja – trigo/soja e na MBH2 a sequência foi composta por feijão/milho - feijão/milho - trigo/algodão. A qualidade do manejo foi avaliada pelo índice de qualidade participativo do plantio direto (IQP), proposto por Roloff, Lutz e Mello (2011). Na MBH2 o IQP foi de 6,9, levemente superior ao da MBH1 cujo IQP foi de 5,6, sendo que, nesta última, a ocorrência de erosão é bem mais evidente. Assim, considerou-se que o manejo adotado na MBH2 de melhor qualidade e o da MBH1 de qualidade relativamente inferior. Os locais de coletas estão situados no município de Itaí, sudoeste do estado de São Paulo, Brasil. A microbacia hidrográfica 1 (MBH1) localiza-se em 23°33’41,94"S e 49°04'50,34"W, a uma altitude de 649 m com relevo ondulado e vertente convexa. A microbacia hidrográfica 2 (MBH2) localiza-se a 23°35'00,35" S e 48°56'21,35" W a uma altitude de 703 m. Nesta MBH, o relevo é suave a suave ondulado e vertente côncava. A MBH1 apresenta relevo ondulado e vertente convexa; em todo o perfil a textura do solo é muito argilosa (700 g kg-1). Já, na MBH2 a textura é argilosa (515 g kg-1) na camada superficial e muito argilosa (600 g kg-1) em subsuperfície. Em ambas MBH, ocorre um horizonte epieutrófico devido a fertilização e calagem. O solo coletado foi enviado aos laboratórios da Embrapa Meio Ambiente para a avaliação das classes texturais, diâmetro médio ponderado (DMP), densidade aparente do solo (Ds), porosidade total, macroporosidade, argila dispersa em água (ADA) e carbono orgânico. As diferenças mais marcantes entre as duas áreas foram o teor de argila dispersa em água, a macroporosidade, assim como o estoque de carbono no solo.The data available here were used to evaluate and compare soil physical-hydric attributes of two first order watersheds (MBH) cultivated with no-tillage (NT) under central pivot irrigation, in Itaí/SP, to estimate the conditions of the soils, culture areas. The soils of 15 sampling points were evaluated, distributed in the Upper, Middle and Lower thirds of the MBH slope, being the collections carried out in 5 points distanced in the same quota, along each third of the slope. The objective of that work was to present and comparatively discuss results of some physical parameters, carbon content and carbon stock, in two typical Dystrophic Red Latosols. The systems differed because, between 2012 and 2015, the sequence of crops in MBH1 was: wheat/cotton – bean/soybean – wheat/soybean and in MBH2 the sequence was composed of beans/corn - beans/corn - wheat/cotton. Management quality was evaluated using the no-tillage participatory quality index (IQP), proposed by Roloff, Lutz and Mello (2011). In MBH2, the IQP was 6.9, slightly higher than that of MBH1, whose IQP was 5.6, and in the latter, the occurrence of erosion is much more evident. Thus, it was considered that the management adopted in MBH2 is the best and that of MBH1 of relatively inferior quality. The collection sites are located in the municipality of Itaí, southwest of the state of São Paulo, Brazil. Watershed 1 (MBH1) is located at 23°33'41.94" S and 49°04'50.34" W, at an altitude of 649 m with undulating relief and convex slope. Watershed 2 (MBH2) is located at 23°35'00.35" S and 48°56'21.35" W at an altitude of 703 m. In this MBH, the relief is smooth to smooth wavy and concave slope. MBH1 has an undulating relief and a convex slope; throughout the profile the soil texture is very clayey (700 g kg-1). In MBH2, the texture is clayey (515 g kg-1) in the surface layer and very clayey (600 g kg-1) in the subsurface. In both MBH, an epieutrophic horizon occurs due to fertilization and liming. The collected soil was sent to the laboratories of Embrapa Meio Ambiente for evaluation of particle-size distribution, mean weight diameter, soil bulk density, total porosity, pore size distribution, soil water dispersed clay and organic carbon. The most striking differences between the two areas were the clay content of dispersion in water, the macroporosity, as well as the carbon stock in the soil.2022-08-30info:eu-repo/semantics/openAccesshttps://www.redape.dados.embrapa.br/licenses/embrapa-by-nc-4.0.xhtmlAgricultural SciencesEarth and Environmental SciencesPlantio diretolatossolo vermelho escuroretenção de água no solono-tillagewater retentionaggregate stabilityclay soilseluviationsoil pore systemmacroporesconservação do solosoil conservationinfo:eu-repo/semantics/datasetinfo:eu-repo/semantics/datasetinfo:eu-repo/semantics/publishedVersionDatasetreponame:Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape)instname:EMBRAPAinstacron:EMBRAPARepositório de Dados de PesquisaPUBhttps://www.redape.dados.embrapa.br/oaiopendoar:2022-08-31T05:00:01Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape) - EMBRAPAfalsedoi:10.48432/SQ7VSP
dc.title.none.fl_str_mv Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
Physical-hydric attributes and carbon stock of soils in areas under irrigation in Itaí, SP
title Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
spellingShingle Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
Filizola, Heloisa Ferreira
Agricultural Sciences
Earth and Environmental Sciences
Plantio direto
latossolo vermelho escuro
retenção de água no solo
no-tillage
water retention
aggregate stability
clay soils
eluviation
soil pore system
macropores
conservação do solo
soil conservation
title_short Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
title_full Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
title_fullStr Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
title_full_unstemmed Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
title_sort Atributos físico-hídricos e estoque de carbono de solos de áreas sob irrigação em Itaí, SP
author Filizola, Heloisa Ferreira
author_facet Filizola, Heloisa Ferreira
Luiz, Alfredo José Barreto
Maia, Aline de Holanda Nunes
Hernani, Luiz Carlos
author_role author
author2 Luiz, Alfredo José Barreto
Maia, Aline de Holanda Nunes
Hernani, Luiz Carlos
author2_role author
author
author
dc.contributor.author.fl_str_mv Filizola, Heloisa Ferreira
Luiz, Alfredo José Barreto
Maia, Aline de Holanda Nunes
Hernani, Luiz Carlos
dc.subject.none.fl_str_mv Agricultural Sciences
Earth and Environmental Sciences
Plantio direto
latossolo vermelho escuro
retenção de água no solo
no-tillage
water retention
aggregate stability
clay soils
eluviation
soil pore system
macropores
conservação do solo
soil conservation
topic Agricultural Sciences
Earth and Environmental Sciences
Plantio direto
latossolo vermelho escuro
retenção de água no solo
no-tillage
water retention
aggregate stability
clay soils
eluviation
soil pore system
macropores
conservação do solo
soil conservation
description Os dados aqui disponibilizados foram usados para avaliar e comparar atributos físico-hídricos de solos de duas microbacias hidrográficas (MBH) de primeira ordem cultivadas com plantio direto (PD), sob irrigação por pivô central, em Itaí/SP, para estimar a condição das áreas de cultura. Foram avaliados os solos de 15 pontos amostrais, distribuídos nos terços Superior, Médio e Inferior da vertente de cada uma das MBH, sendo as coletas realizadas em 5 pontos distanciados numa mesma cota, ao longo de cada terço da vertente. O trabalho teve como objetivo apresentar e discutir comparativamente resultados de alguns parâmetros físicos, do teor de carbono e estoque deste último, em dois Latossolos Vermelhos Distróficos típicos. Os sistemas diferiam porque, entre 2012 e 2015, a sequência de culturas na MBH1 foi: trigo/algodão – feijão/soja – trigo/soja e na MBH2 a sequência foi composta por feijão/milho - feijão/milho - trigo/algodão. A qualidade do manejo foi avaliada pelo índice de qualidade participativo do plantio direto (IQP), proposto por Roloff, Lutz e Mello (2011). Na MBH2 o IQP foi de 6,9, levemente superior ao da MBH1 cujo IQP foi de 5,6, sendo que, nesta última, a ocorrência de erosão é bem mais evidente. Assim, considerou-se que o manejo adotado na MBH2 de melhor qualidade e o da MBH1 de qualidade relativamente inferior. Os locais de coletas estão situados no município de Itaí, sudoeste do estado de São Paulo, Brasil. A microbacia hidrográfica 1 (MBH1) localiza-se em 23°33’41,94"S e 49°04'50,34"W, a uma altitude de 649 m com relevo ondulado e vertente convexa. A microbacia hidrográfica 2 (MBH2) localiza-se a 23°35'00,35" S e 48°56'21,35" W a uma altitude de 703 m. Nesta MBH, o relevo é suave a suave ondulado e vertente côncava. A MBH1 apresenta relevo ondulado e vertente convexa; em todo o perfil a textura do solo é muito argilosa (700 g kg-1). Já, na MBH2 a textura é argilosa (515 g kg-1) na camada superficial e muito argilosa (600 g kg-1) em subsuperfície. Em ambas MBH, ocorre um horizonte epieutrófico devido a fertilização e calagem. O solo coletado foi enviado aos laboratórios da Embrapa Meio Ambiente para a avaliação das classes texturais, diâmetro médio ponderado (DMP), densidade aparente do solo (Ds), porosidade total, macroporosidade, argila dispersa em água (ADA) e carbono orgânico. As diferenças mais marcantes entre as duas áreas foram o teor de argila dispersa em água, a macroporosidade, assim como o estoque de carbono no solo.
publishDate 2022
dc.date.issued.fl_str_mv 2022-08-30
dc.type.openaire.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/dataset
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.none.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/dataset
format dataset
status_str publishedVersion
dc.identifier.url.fl_str_mv https://doi.org/10.48432/SQ7VSP
url https://doi.org/10.48432/SQ7VSP
dc.rights.openaire.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
https://www.redape.dados.embrapa.br/licenses/embrapa-by-nc-4.0.xhtml
eu_rights_str_mv openAccess
rights_invalid_str_mv https://www.redape.dados.embrapa.br/licenses/embrapa-by-nc-4.0.xhtml
dc.format.none.fl_str_mv Dataset
dc.publisher.none.fl_str_mv Redape
publisher.none.fl_str_mv Redape
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape)
instname:EMBRAPA
instacron:EMBRAPA
instname_str EMBRAPA
instacron_str EMBRAPA
institution EMBRAPA
reponame_str Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape)
collection Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape)
repository.name.fl_str_mv Repositório de Dados de Pesquisa da EMBRAPA (Redape) - EMBRAPA
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1748856809540550656